sábado, 15 de fevereiro de 2014

Série Uvas - Ramisco


A ramisco é uma uva tinta portuguesa, cultivada principalmente na região de Colares DOC.
A proximidade das vinhas ao mar e às grandes cidades, a falta de mão-de-obra, a fraca rentabilidade de cultivo, além da ameaça da filoxera no século XIX, quase a levaram à extinção.
A ramisco apresenta cachos com bagos pequenos, de coloração escura. As uvas têm maturação tardia, originando vinhos de baixo teor alcoólico e ricos em taninos; sendo excelentes em cortes com castas de baixa acidez, como a aragonez.
Enquanto jovens, os vinhos são elegantes, frescos e persistentes. O estágio prolongado confere-lhes suavidade e aroma. De cor rubi, com reflexos acastanhados, apresenta aromas de cogumelos, terra molhada, resina e madeira de cedro. Os vinhos varietais de ramisco têm taninos muito marcados e adstringentes, o que lhes permitem envelhecer bem.
Os vinhos produzidos a partir da ramisco fazem parte da literatura portuguesa, em obras de Eça de Queiroz, entre outros.

Fontes de pesquisa: Blog da Maria João de Almeida e Wikipédia